Jornal Conexão

Mais de 14 mil maços de cigarros contrabandeados são apreendidos em operação em Formiga

Compartilhe

A Operação “Quinto Mandamento”, deflagrada nesta terça-feira (30) pelas Polícias Militar (PM) e Civil, e o Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), apreendeu 14.830 maços de cigarros contrabandeados em uma residência do Bairro Jardim Montanhês em Formiga. O proprietário do material não foi encontrado pelos policiais no local.

A operação teve como objetivo cumprir medidas judiciais contra suspeitos de abortos clandestinos e ao comércio ilegal de medicamentos abortivos. Ao todo, foram cumpridos mandados em endereços pertencentes a sete investigados.

G1 solicitou o número de presos na ação para as Polícias Militar e Civil e ao MPMG. A reportagem aguarda retorno.

Além dos maços de cigarros, foram apreendidos na residência R$ 43.529,780, quatro caixas de medicamentos estimulantes sexual masculino, seis telefones celulares e documentos, segundo a PM. O material apreendido foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Federal em Divinópolis.

A PM explicou que outros investigados foram cientificados das medidas judicias restritivas e que alguns deles compareceram espontaneamente à Delegacia de Polícia Civil, onde prestaram maiores esclarecimentos sobre os fatos. Contudo, os militares não informaram quantos suspeitos compareceram à Delegacia.

Ao todo, foram empregados 16 policiais militares, nove policiais civis e um promotor na ação.

Operação

O nome da operação faz referência ao quinto mandamento, que se traduz no respeito à vida, desde a concepção até o término de seu curso natural, segundo o MPMG.

As investigações tiveram início em janeiro e, durante as apurações, foram identificados suspeitos de praticar o aborto clandestino e o comércio ilegal de medicamentos abortivos.
Fonte: https://g1.globo.com
%d blogueiros gostam disto: